COMPRANDO

Wimbledon Green (Lançamento Curioso 1)

Este ano tem trazido vários Lançamentos Curiosos no mercado brasileiro de quadrinhos traduzidos. O que é “Curioso” varia: autores que nunca haviam sido editados aqui, editoras que não costumavam trabalhar com quadrinhos, recuperação de material ignorado. Quero tratar deles neste e nos próximos posts.

Para começar: Wimbledon Green, lançado há alguns meses pel’A Bolha Editora.

wimbledongreen

Seth, pseudônimo de Gregory Gallant, é um canadense que já tem umas boas décadas de quadrinhos. Sua referência principal está nos gibis infantis de meados do século XX, com o traço bastante estilizado. Suas HQs também tendem a ser sobre esta época. Diz a lenda e as fotos que ele se veste e vive como se estivesse na primeira metade do século passado.

Ele é colocado com frequência entre os nomes que fizeram crescer o mercado de graphic novels no início dos 2000. Está inclusive na foto da matéria marco do New York Times, em 2004, que falou para o público mainstream o que andava acontecendo nos gibis adultos. Lá está ele com Joe Sacco, Art Spiegelman, Chester Brown e Adrian Tomine.

Sua obra mais citada é It’s a Good Life if You Don’t Weaken, de 1996. Mas a primeira que chega ao Brasil é Wimbledon Green, de 2005. Por acaso, é a minha preferida.

wimble15

O personagem do título é um mítico colecionador de quadrinhos que tem um histórico de aventuras para montar a maior coleção do mundo. Várias histórias curtinhas são contadas como um documentário, do ponto de vista de admiradores e rivais, com poucas intervenções do próprio Wimbledon. Tem seu lado cômico e tem seu lado trágico. O mais marcante de Seth é como ele utiliza pedacinhos de histórias reais para passar a sensação de que o biografado realmente existe, tamanho o nível de detalhismo.

Apesar de suas HQs serem novidade por aqui, Seth já havia aparecido no Brasil por outros caminhos: é dele o design das edições dos Peanuts Completo (a L&PM já lançou seis volumes, começando em 2009) e as ilustrações da série Só Perguntas Erradas de Lemony Snicket (dois volumes pela Seguinte, desde 2012)

A edição brasileira tem tradução de Thiago Gomide Nasser, 125 páginas e preço sugerido de R$ 65. A Bolha mandou o preview abaixo:

 

 

 

Marcado como:

Carregando galeria...



Wimbledon Green, p. 14
Wimbledon Green, p. 15
Wimbledon Green, p. 16
Wimbledon Green, p. 17
Wimbledon Green, p. 18
Wimbledon Green, p. 19
Wimbledon Green, p. 20
Wimbledon Green, p. 21
Wimbledon Green, p. 22
Wimbledon Green, p. 23
Wimbledon Green, p. 24
Wimbledon Green, p. 25
Wimbledon Green, p. 26

OUTROS POSTS



1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será exibido publicamente
Campos obrigatórios são marcados *

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os comentários do site são aprovados previamente.

Acompanhando a discussão via RSS

Quer acompanhar mais facilmente a discussão neste post?
Assinar notificações via RSS.

Não sabe o que é RSS?
Aprenda aqui!

Tutoriais para: Internet Explorer, Mozilla Firefox e Google Chrome.