Arquivo de Tags

CASANOVA



Contabilidade, 2014

Traduzi uns 8 milhões de toques em 2014. Em 2013 foi um pouco mais de 10 mi. Tive mais projetos de tradução em 2014 – foram uns 40, que é recorde – mas mais curtinhos que o do ano anterior. Em páginas, foram 2800 e poucas de prosa, 400 e poucas de livro ilustrado e mais de 4000 de HQ. Achei curioso que traduzi três biografias de englishmen: do Robert Plant (Uma Vida, de David Rees, que saiu em agosto pela LeYa), do Richard Dawkins (Fome [ . . . ] LEIA MAIS


16/02/2015

Quadrinistas 2015: Klebs Jr., Eric Peleias, Mario Cau, Fred Rubim, Cris Peter

Perguntei para uma lista de quadrinistas brasileiros qual a agenda de projetos que eles e elas têm para 2015 – e se têm alguma produção de 2014 por sair este ano. Vou publicar todas as respostas aqui ao longo dos próximos dias. Já saíram outras listas durante a semana. Para ver todas, é só seguir a tag Quadrinistas 2015. Klebs Jr. Últimos trabalhos: X-Men, coordenação do Instituto dos Quadrinhos Site do Klebs: //institutodosquadrinhos.com.br/ Segue o release do meu lançamento Pátria Armada. Para 2015 o [ . . . ] LEIA MAIS


23/01/2015

Guia de Compras Natal 2014

Olá! Você deve estar aqui porque seu/sua filho(a), marido(a), namorado(a), amigo(a) secreto(a), chefe(a) ou afim passou o link e disse “que isso, pode ser qualquer presente. Mas se você tiver um tempinho…”. Bem-vinda(o). Este é um site sobre quadrinhos. Se você quiser saber mais sobre quadrinhos, leia os outros posts. Se não, vamos ao motivo da visita. Abaixo segue uma lista de quadrinhos (ou relacionados) que eu recomendaria como bons presentes de Natal para quem gosta de quadrinhos. (Você também pode chamar [ . . . ] LEIA MAIS


02/12/2014

Traduções: Casanova, Todos os Meus Amigos, Os Invisíveis, Vampiro Americano, Vertigo Especial, Sandman

Algumas traduções minhas que já saíram em 2014. Traduzir Casanova é dispersar um monte de (?) para o editor, revisor ou preparador bater o martelo depois. Nunca sei direito se captei a referência, o sentido ou o jogo que o Matt Fraction quis fazer no texto. Mas tento, juro que tento. Fraction caridosamente já respondeu algumas perguntas minhas (e ter contato com os autores que eu traduzo é uma coisa raríssima), mas tem coisas que nem perguntando a ele se resolvem fácil. No mínimo, [ . . . ] LEIA MAIS


01/08/2014